Campanha mobiliza a comunidade para o combate à violência sexual

“Faça bonito. Proteja nossas crianças e adolescentes” é o slogan do Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes.
A Prefeitura de Registro está engajada na campanha do Dia 18 de Maio - Dia Nacional de Combate ao Abuso e à Exploração Sexual contra Crianças e Adolescentes. A data que tem como objetivo sensibilizar a população para a necessidade de combater a violência sexual também será lembrada no município com uma série de atividades.

Entre os dias 22 de Abril e 11 de Junho, a Secretaria Municipal de Assistência, Desenvolvimento Social e Economia Solidária, em parceria com a Secretaria Municipal de Saúde e Diretoria de Ensino, realizarão a distribuição de panfletos da campanha nas escolas estaduais.

No dia 14 de Maio, haverá um Fórum com os profissionais da rede de garantia de direitos sobre o tema. No dia 16 de Maio, sexta-feira, o CREAS (Centro de Referência Especializado em Assistência Social) realizará uma instalação artística na Praça dos Expedicionários aberta ao público das 9 às 18 horas, com dados sobre o acompanhamento realizado.

No Serviço de Proteção e Atendimento Especializado a Famílias e Indivíduos, realizado no CREAS, as vítimas recebem acolhimento, atendimento individual e em grupo e, dependendo do caso, são encaminhadas para psicoterapia, atendimento ambulatorial e programas sociais.

O trabalho é complexo e exige muita sensibilidade dos técnicos já que, além de amparar a vítima, é preciso construir laços familiares que talvez nunca existiram, especialmente porque na maioria dos casos o agressor é alguém que tem vínculos com a vítima, inclusive familiares. O papel do CREAS não é produzir provas contra os agressores, mas acolher e encaminhar as vítimas e suas famílias para os atendimentos necessários.

Os casos de violência geralmente chegam ao CREAS por meio do Conselho Tutelar ou encaminhados pelo Judiciário. Mas qualquer pessoa, especialmente os profissionais da saúde e da educação, deve ficar atenta para os sinais de violência e encaminhar os casos suspeitos para o CREAS, que atende também a demanda espontânea. Só neste ano, já foram atendidos 53 casos de abuso sexual, sendo que a Vila Nova (10 casos) e a Vila São Francisco (6 casos) são os bairros com maior incidência. Além do abuso sexual, também é grande o número de vítimas de negligência e violência física. O CREAS atende ainda crianças e adolescentes vítimas de violência psicológica e trabalho infantil.

O CREAS está localizado à Rua José Custódio de Oliveira, 08 – Centro, telefone (13)3822-2369. O endereço do Conselho Tutelar é Rua Porto Alegre, 147 – Vila Tupi, telefone (13)3822-4699.
Próxima NotíciaAplicativo Zeladoria de Registro está disponível também para iOS Aplicativo Zeladoria de Registro está disponível também para iOS