Secretaria de Saúde qualifica profissionais do setor sobre o uso de medicamentos fitoterápicos

Médicos, enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem, farmacêuticos, técnicos de farmácia, nutricionistas, dentistas e psicólogos, aprenderam a respeito da Farmacologia dos Fitoterápicos contemplados na RENAME.
A Prefeitura de Registro, por meio da Secretaria Municipal de Saúde, está qualificando os profissionais do setor com o curso ‘Farmacologia dos Fitoterápicos contemplados na RENAME (Relação Nacional de Medicamentos Essenciais)’. A palestra foi ministrada pela farmacêutica, Profª Drª Nilsa Wadt, na sede da UNESP entre os dias 28 e 31 de julho. O público foi composto por médicos, enfermeiros, técnicos e auxiliares de enfermagem, farmacêuticos, técnicos de farmácia, nutricionistas, dentistas e psicólogos.

De acordo com a Secretária Municipal de Saúde, Maria Cármen Amarante Botelho, que fez questão de comparecer em todos os dias da abertura do curso, a proposta da capacitação é contribuir com o acolhimento dos pacientes na rede municipal. “A qualificação é importante para que os profissionais de saúde prescrevam os medicamentos fitoterápicos, contemplados pela RENAME, disponibilizados pelo SUS e padronizados pelo nosso Município”.

Segundo a farmacêutica Márcia Cristina Ribeiro Riboski, Coordenadora da Assistência Farmacêutica de Registro, os medicamentos fitoterápicos podem contribuir muito em diversos tratamentos. “Os participantes do curso saberão mais a respeito do uso de plantas para terapias em odontologia, pediatria, nevralgias diabéticas, curativos de escara, entre outros”.

Está é a segunda etapa da qualificação. A primeira aconteceu no mês de maio, com o curso ministrado pelo médico Homeopata, Dr. Edson Prata, que palestrou sobre a Homeopatia para cerca de 90 profissionais da saúde e estudantes do curso de Farmácia das Faculdades Integradas Vale do Ribeira (FVR), do grupo educacional Unisepe.

O fechamento do ciclo será destinado aos Agentes de Saúde, em data a ser definida, com aulas nas próprias Unidades de Saúde, com o tema ‘Plantas Medicinais e cultivo em vasos e pequenos espaços’.

A realização do curso faz parte do projeto de capacitação em plantas medicinais e fitoterápicos aos profissionais da saúde do Ministério da Saúde e contou com a colaboração da farmacêutica, Tânia Shiguena Yokota, responsável pelo projeto de implantação da Fitoterapia no Município.





























Próxima NotíciaAplicativo Zeladoria de Registro está disponível também para iOS Aplicativo Zeladoria de Registro está disponível também para iOS